domingo, 24 de agosto de 2008

Cardinalidade

image


Cardinalidade é um tipo de restrição de integridade que representa (modela) regras de negócio que quantificam a quantidade mínima e quantidade máxima de relacionamentos entre uma determinada entidade e outras entidades distintas, através de um determinado relacionamento-tipo. A cardinalidade expressa essas quantidades.

image


Cardinalidade visa restringir a quantidade mínima e a quantidade máxima de relacionamentos que uma entidade A mantém com outras entidades B, C, ... (distintas) através de um Relacionamento-Tipo (R).

Ela é modelada num Diagrama de Entidades e Relacionamentos através de um par de valores (V1,V2) onde:

V1 = Cardinalidade Mínima; e
V2 = Cardinalidade Máxima.

A Cardinalidade Mínima estabelece a menor quantidade de relacionamentos que deve existir entre uma entidade qualquer e outras entidades distintas através de um relacionamento-tipo.


A Cardinalidade Máxima estabelece a maior quantidade de relacionamentos que deve existir entre uma entidade qualquer e outras entidades distintas através de um relacionamento-tipo.

V1 >= 0 e V2 >= 1


image




image



image


Exemplo: Cada aluno deve ser matriculado em no mínimo uma matéria podendo estar matriculado em no máximo três matérias.

image



image

A cardinalidade pode ser aplicada também a atributos.

Para os atributos quando:
V1 = 0 => o atributo é dito opcional;
V1 = 1 => o atributo é dito mandatório ou obrigatório;
V2 = 1 => o atributo é dito mono-valorado; e
V2 = n (onde n > 1) => o atributo é dito multivalorado.



image

6 comentários:

kimberly disse...

Farei uma prova do assunto de cardinalidae, e com tantos exemplos que a matéria de vocês possuem me ajudou a compreender bem a compreedê-la ,continuem assim.
Obrigado.

nancy disse...

Eu estava tentando aprender cardinalidade no curso de modelagem de dados da Fundação Bradesco. Se não fossem as explicações e os exemplos q vcs deram, eu estaria perdiida.

Leticia disse...

Me ajudou bastante!

Anônimo disse...

Simples e claro!

Anônimo disse...

Eu não entendo como dificilmente se encontra uma explicação como a sua. Dá até a impressão de que fazem de propósito para que poucos entendam como realmente funciona. Muito obrigado mesmo!

Anônimo disse...

Show de bola, parabéns!